Coronavírus Covid-19
Linhas de Elvas
CCDRA 4º Trimestre 2019
Linhas em sua casa
El Faro - Abril 2020
Elióptica 2020 - Páscoa
Jocriauto 012020
Linhas de Elvas
Nabeiroauto - Abril 2020
Linhas de Elvas
Jocriauto 012020
Sanielvas 358x90 - Nov17
Nabeiroauto - Abril 2020
Assine Já

Cavalo Xeque-Mate teve que ser abatido

Ana Batista e João Moura Jr colhidos em Coruche

Os cavaleiros Ana Batista e João Moura Jr. foram colhidos com enorme aparato, na corrida que se realizou este sábado, em Coruche, mas já se encontram a recuperar das lesões sofridas no seu ambiente familiar.

08 Julho 2019

Os cavaleiros Ana Batista e João Moura Jr. foram colhidos com enorme aparato, na corrida que se realizou este sábado, em Coruche, mas já se encontram a recuperar das lesões sofridas no seu ambiente familiar.
Ana Batista, após ter sido atendida na enfermaria da praça de touros, foi encaminhada ao Hospital Distrital de Santarém. Além de alguns hematomas provocados pela queda, tem ainda a cabeça partida, não se confirmando, felizmente, lesões de maior gravidade.
Por sua vez, João Moura Jr., que também foi transportado ao Hospital Distrital de Santarém, foi suturado no lábio inferior, em ambos os lados (interno e externo), tendo também sofrido algumas escoriações.
O seu estado de saúde não é grave, felizmente, sendo certo que o seu estado anímico se encontra bastante afectado pelo sucedido à sua montada.colhida cavalo
O cavalo Xeque-Mate teve que ser abatido na sequência dos ferimentos sofridos.
O cavalo, um dos craques da quadra de João Moura Jr., com ferro Romão Tenório, sofreu uma fractura exposta e, após avaliação veterinária, que confirmou a gravidade das lesões no equídeo, foi abatido, uma vez que os danos provocados eram irreversíveis.

Fonte e fotos: Touro e Ouro