Linhas de Elvas
Nutriprado
Elióptica Regresso às Aulas
Bricoelvas
Liberdade Branco
Sanielvas 358x90 - Nov17
Liberdade Branco
Assine Já
Bricoelvas

Alentejo recebe 17 novas centrais solares

Centrais vão produzir um total de 460 MW

18 Julho 2018 | Fonte: Diário do Sul

No Alentejo vão nascer 17 novas centrais solares fotovoltaicas com poder de produção de um total de 460 megawatts (MW).

De acordo com o ‘Diário Do Sul’ está previsto, até 2021, dez investimentos para o Baixo Alentejo, quatro para Portalegre e três para Évora. A Efokus Ourique e Ínsua (Goldalqueva) garante 49 MW cada, enquanto a Hyperion (Moura) vai produzir 48 MW e a Morning Chapter (Herdade dos Murzelos) chega aos 46 MW. A Hyperion quer produzir ainda 42 MW em Ferreira do Alentejo e outros 16 na Amareleja. Já em Casa Nova, Santiago do Cacém, uma central no valor de 10 milhões de euros preenche 25,5 hectares, apontando à instalação de 45 mil painéis solares, enquanto Vale Matanças aguarda pela Warwick Portugal, para erguer a Central Solar do Sado. Grândola recebe a Central Solar dos Barros, da Teclavertente, um projeto com 132200 painéis fotovoltaicos, e Morgavel (Sines) a Solarango, num investimento previsto de 25 milhões de euros.

Por Évora também há investimento da Hyperion em Vale de Moura para 29 MW, tal como prevê a aposta da Expoentfokus em Évora. Montes Novos recebe o investimento da Contrate o Sol para 3 MW. No distrito de Portalegre distribuem-se três investimentos da Expoentfokus por Falagueira I, II e III, para um total de 52 MW, enquanto a Central Solar de Tendeiros chega aos 24 MW.

Segundo o ‘Diário Do Sul’ há mais interessados neste negócio para 2024 e 2025, estando mesmo o Governo a ponderar antecipar esse investimento com a aprovação dos novos planos de investimentos da Rede Elétrica Nacional que estava em consulta pública na Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos.