Linhas de Elvas
Elióptica Regresso às Aulas
Nutriprado
Sanielvas 358x90 - Nov17
Bricoelvas
Linhas Rádio
Sanielvas 358x90 - Nov17
Linhas Rádio
Américo Nunes
Assine Já
Bricoelvas

Castelo de Vide

Vamos “cuidar da nossa serra”

Município quer todos a cuidar da serra de São Paulo e oferece plantas à população

12 Janeiro 2018

A Câmara Municipal de Castelo de Vide com o apoio da Junta de Freguesia de São João Baptista e do CLDS 3G+ de Castelo de Vide, irão promover no próximo dia 20 de janeiro a partir das 9h30, em parcelas propriedade do município, na Serra de São Paulo, uma ação que visa promover uma adequada gestão dos espaços florestais.
Este tipo de ações surgem como um seguimento do trabalho desenvolvido desde o ano de 2006, data a partir da qual o Município, juntamente com a população, desenvolveu anualmente várias acções de reflorestação nos terrenos da Serra de São Paulo fustigados pelos grandes incêndios de 2003 e visa essencialmente melhorar as condições de sobrevivência das jovens plantas.
A acção consistirá na limpeza de matos junto às jovens árvores, remoção de eventuais ramos secos, decrépitos ou com crescimento inadequado e ainda na remoção de combustíveis mortos acumulados na parcela a intervir.
Apela-se à participação da população que contribua para um concelho mais verde.


Oferta de Plantas à População

Na sequência das campanhas dos anos anteriores, o Gabinete Técnico Florestal irá, mais uma vez, proceder à oferta de plantas à população, numa ação concertada com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas e pela Quercus, no âmbito do projeto “Floresta Comum”, e que desde o ano e 2006 já permitiu plantar mais de 20 mil árvores.
A ação que visa sensibilizar a população para a importância da utilização de espécies autóctones e ainda constituir-se como uma mais valia para a biodiversidade e a valorização ambiental do concelho, terá lugar no Arco Novo dos Paços do Concelho, durante o período da manhã, do próximo dia 19 de janeiro.
Serão distribuídos exemplares de várias espécies autóctones, tais como sobreiro, medronheiro, castanheiro, carvalho alvarinho e cerejeira brava, num total de cerca de 1000 árvores.