Linhas de Elvas
CCDRA 3º Trimestre 2019
Nutriprado
Elióptica Natal 2019
Jocriauto
Liberdade Branco
Liberdade Branco
Sanielvas 358x90 - Nov17
Assine Já
Jocriauto

Formação sobre produção de bonecos de Estremoz supera expectativas

Uma formação sobre técnicas de produção de bonecos de Estremoz, em barro, que decorre na cidade alentejana até Dezembro, está a "superar as expectativas".

24 Novembro 2019

Uma formação sobre técnicas de produção de bonecos de Estremoz, em barro, classificados pela UNESCO, que decorre na cidade alentejana até Dezembro, com 16 formandos, está a "superar as expectativas", indicou a câmara municipal.
A "Produção de Figurado em Barro de Estremoz", vulgarmente conhecida como bonecos de Estremoz, foi classificada como Património Cultural Imaterial da Humanidade, pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO), em 7 de Dezembro de 2017, na sequência de uma candidatura apresentada pelo município.
Segundo a autarquia, decorrida que está mais de metade da formação, o balanço já efectuado "não poderia ser melhor" e, de acordo com os formadores, o grupo de 16 formandos tem "surpreendido pela capacidade de trabalho, pela qualidade e pela motivação demonstrada, o que tem também facilitado o próprio processo de ensino e aprendizagem".
O Palácio dos Marqueses da Praia e Monforte tem sido, desde Setembro, a "escola" por "excelência" da aprendizagem e criação do único figurado do mundo que é Património Cultural Imaterial da Humanidade.
O município explica que os formandos têm desenvolvido "um rigoroso programa" orientado pelos formadores Hugo Guerreiro, Isabel Borda de Água, Luís Parente e Jorge da Conceição, que transmitem informação sobre a história dos bonecos, as suas características específicas e diferenciadoras de outros géneros de figurado e evidenciam as cerca de 90 figuras tradicionais que compõem o seu núcleo base.
"Os objectivos foram delineados para dar aos formandos as ferramentas necessárias para conseguirem, no futuro, desenvolver a actividade de barristas com o maior conhecimento possível sobre as técnicas de construção do figurado de Estremoz", adianta a câmara municipal.
No plano curricular constam disciplinas como introdução à história da cerâmica, técnicas de conformação manual, técnicas de acabamento em cerâmica e execução de projectos criativos.
Esta é uma formação de 150 horas, eminentemente prática, que resulta de uma parceria entre o município de Estremoz e o Centro de Formação Profissional para o Artesanato e Património (CEARTE).
Pertencentes a uma arte de carácter popular, com mais de 300 anos de história, os bonecos de Estremoz são o primeiro figurado do mundo a merecer a distinção de Património Cultural Imaterial da Humanidade.
Com mais de uma centena de figuras diferentes inventariadas, a arte, a que se dedicam vários artesãos do concelho, consiste na modelação de uma figura em barro cozido, policromado e efectuada manualmente, segundo uma técnica com origem pelo menos no século XVII.

TCA // MLM
Lusa