Linhas de Elvas
Nutriprado
CCDRA 3º Trimestre 2019
Elióptica Natal 2019
Liberdade Branco
Jocriauto
Assine Já
Jocriauto
Sanielvas 358x90 - Nov17
Liberdade Branco

Arcebispo de Évora desafia a Arquidiocese a ser "Igreja em saída"

D. Francisco José Senra Coelho é o primeiro a dar o exemplo de uma Igreja em saída e publica ainda na edição de 25 de Setembro de "a defesa", uma agenda que ele próprio irá realizar ao longo deste Outubro Missionário, intitulada "Arcebispo de Évora em saída".

26 Setembro 2019

No passado dia 22 de Outubro de 2017, o Papa Francisco proclamou o mês de Outubro de 2019 como "Mês Missionário Extraordinário", tendo por motivo a celebração do centenário da promulgação da Carta Apostólica "Maximum illud", do Papa Bento XV.

Em Nota Pastoral, publicada no dia 25 de Setembro, o Arcebispo de Évora escreve que “há um ano atrás, compromete-nos, nas peugadas do Papa Francisco, a vivermos como um autêntico ano missionário, sob o lema “discípulos missionários”, assumindo que, ao longo do ano pastoral, viveríamos momentos onde a atitude missionária pessoal e comunitária fosse mais forte, o que, graças a Deus, aconteceu em vários lugares da nossa vasta Arquidiocese".

"Estando nós muito próximos do mês de Outubro, sendo ele o encerramento deste Ano Missionário, venho convidar cada um de vós a vivermos intensamente este mês missionário com gestos e atitudes que reflitam que somos e queremos ser mais e mais uma “Igreja em saída”, vizinha de todos e com todos comprometida", desafia o Prelado Eborense.

"Maria é paradigma e modelo da Igreja em saída para fomentar a comunhão", sublinha D. Francisco José Senra Coelho, acrescentando que "neste mês de Outubro, Maria terá que ser sempre, uma figura visivelmente presente. Ela ensina-nos a dizer sim, mesmo quando os nossos passos são vacilantes ou incertos. Ela dá-nos Jesus. Gera-O no seu sim e no seu ventre. Ela mostra-nos Jesus. Ela guia-nos para Jesus. Ela manda-nos obedecer a Jesus: 'Fazei tudo o que Ele vos disser'".

Entretanto, numa síntese da Nota Pastoral, publicada no jornal "a defesa" de 25 de Setembro, o Arcebispo de Évora convida "cada Presbítero, Diácono Permanente, Religioso ou Religiosa, Pessoa Consagrada, cada Família Cristã e cada Comunidade, Movimento Eclesial ou Grupo de Vida a fazer deste Outubro Missionário um encontro com Cristo para todos nós e para muitos que são periferia social e existencial nas nossas comunidades”, escreve D. Francisco José Senra Coelho que desafia "os Jovens a fazer acontecer Cristo entre os seus irmãos jovens!" "Peço aos queridos irmãos doentes e mais idosos que unam as suas orações e sofrimentos e se tornem missionários na Cruz!", convida o Arcebispo de Évora.

Em declarações ao semanário "a defesa", o Prelado Eborense desafia "cada Paróquia, cada Movimento, cada Grupo de Pastoral, a viver o próximo mês de Outubro com gestos concretos", por exemplo, "com a realização de uma Vigília de Oração pelas Missões, com a participação na Peregrinação Nacional do Ano Missionário ao Santuário de Fátima, no dia 20 de Outubro, e com a realização de iniciativas locais no âmbito sócio-caritativo".

D. Francisco José Senra Coelho é o primeiro a dar o exemplo de uma Igreja em saída e publica ainda na edição de 25 de Setembro de "a defesa", uma agenda que ele próprio irá realizar ao longo deste Outubro Missionário, intitulada "Arcebispo de Évora em saída".