Linhas de Elvas
Nutriprado
Elióptica Julho 2019
Liberdade Branco
Assine Já
Liberdade Branco
Sanielvas 358x90 - Nov17

Portalegre

PSD quer auditoria independente à Fundação Robinson

A Comissão Polícia de Secção de Portalegre do Partido Social Democrata quer uma auditoria independente à Fundação Robinson.

28 Julho 2019

O PSD de Portalegre acusou, este domingo, a Candidatura Livre Independente por Portalegre (CLIP), que conduz os destinos da Câmara Municipal, de tentar "mascarar com questões internas dos sociais-democratas as situações aparentemente muito irregulares” na Fundação Robinson.

A Comissão Política de Secção de Portalegre do PSD frisa que está "a incomodar alguns interesses instalados" e volta a pedir que "se tornem públicos os elementos sobre as contas da Fundação Robinson", uma informação já solicitada "há quase 14 meses" pelos laranjas.

"Não impeçam ou bloqueiem a transparência. Todos temos o direito de saber como foi gerido o dinheiro dos Portalegrenses", refere o PSD Portalegre.

A CLIP, segundo os sociais-democratas, "acusa a CPS do PSD de não apresentar propostas para a Fundação Robinson. Como podemos propor algo, de forma séria e rigorosa, quando há mais de 1 ano (quase 14 meses) foi solicitada, através do então Vogal do Conselho de Curadores da Fundação Robinson e Vice-Presidente desta CPS, João Nabais Pinto, informação fundamental sobre o real estado da Fundação Robinson e esta nunca nos foi facultada?", questiona. 

O PSD de Portalegre considera "essencial um esclarecimento sobre as situações aparentemente muito irregulares na Fundação Robinson e sublinhamos novamente a importância da realização de uma auditoria independente à Fundação Robinson".

Para a CPS de Portalegre do PSD, "a estratégia da CLIP conduziu Portalegre à estagnação completa, com tendência a piorar ao longo do tempo".