Linhas de Elvas
Talho Escarduça
Nutriprado
Neurofit
Elióptica Fevereiro 2019
Liberdade Branco
Linhas Rádio 2019
Liberdade Branco

Professora Fátima Pinto desvaloriza resultados do ranking das escolas

Directora do Agrupamento 3 de Elvas considera que as leituras não revelam a realidade nem os objectivos da escola. Secundária D. Sancho II apresentou uma média de 9,45; menos 28 décimas que em 2017, mas o número de retenções é menor que média nacional.

21 Fevereiro 2019

A Secundária D. Sancho II registou uma média de 9,45, menos 28 décimas que em 2017 (9,73). No ano de 2018, e de acordo com o ranking do Expresso, ficou classificado no 517º lugar. Menos 36 posições que no ano de 2017.

Fátima Pinto, directora do Agrupamento de Escolas nº3 de Elvas, considera que os rankings não revelam a verdadeira realidade da escola e que é fácil enganar a estatística.

“Ficamos sempre insatisfeitos com os resultados, pois não podemos ficar indiferentes ao ranking e todos podemos fazer melhor. Agora, não é tão dramático quanto a leitura que é dada a frio e seco. O ranking tem várias perspectivas, a minha não é a única e é partilhada pelo Ministério da Educação. O ranking tem muita opacidade. Para querermos hoje o maior número de alunos certificados, e olhando para o contexto socioeconómico desta região, trabalhamos para que os alunos possam tirar a escolaridade obrigatória. Ao fazer com que o maior numero de alunos sejam certificados com o 12º ano, o cobertor é curto. Se damos capacidades e condições para terminem o secundário (ir a exame com positiva) e no exame tiram negativa, o ranking da escola baixa. Se para o ano quiser subir mais de 100 lugares na tabela, seria fácil, era não levar os alunos a exame e teria um maior número de retenções”, indicou.

A directora da escola frisou que o objectivo é a certificação da escolaridade obrigatória.

“Se virmos a percentagem de retenções das escolas do nosso distrito estamos com a menor percentagem de retenções (26,92% - média nacional é de 27,21%). Nós trabalhamos para que os alunos fiquem com o 12º. Desses certificados o ano passado foi o ano em que o maior número de alunos entraram na faculdade. Isso significa que podem entrar no ensino superior, mesmo com uma média mais baixa, e alimentar o Politécnico de Portalegre e a Escola Superior Agrária de Elvas”, explicou.


Fique a conhecer mais sobre o ranking das escolas da região na edição do Linhas de 21 de Fevereiro. Já nas bancas

Noticias Relacionadas