Linhas de Elvas
Elióptica Janeiro 2019
Nutriprado
Linhas Rádio 2019
ULSNA Gripe
ULSNA Gripe
Sanielvas 358x90 - Nov17
Linhas Rádio 2019
Assine Já

MCC de Portalegre em reflexão sobre a caridade na Igreja

Cursilhistas reuniram-se no Gavião

25 Dezembro 2018

O Movimento dos Cursilhos de Cristantade (MCC) da diocese de Portalegre realizou a 9 de Dezembro a Reflexão/Consoada de Natal do MCC no Gabião, onde estiveram mais de uma centena de cursilhistas a reflectir o tema ‘A Caridade na Igreja’ pelo bispo Augusto César.

Na reflexão Augusto César disse que “falar de Deus num mundo de hoje com as circunstâncias que estamos a viver com guerra por todo o lado, violência por este Portugal fora, maltrata-se, mata-se, onde os valores se perderam em Defesa de uma religião, não é fácil. Deus não impõe nada na nossa vida, propõe, cabe-nos a nós decidir qual o caminho a seguir”.

O bispo continuou ao dizer que a sociedade de hoje organiza-se de tal maneira que não há lugar para a família.

“Os filhos passam muito tempo na escola do que com os pais, os pais passam muitas horas a trabalhar e quando chegam a casa é tempo de jantar, tomar banho e descansar para o dia seguinte. A família está, assim, separada o dia inteiro. Qual é o meu comportamento diante deste panorama desolador? Que testemunho de Fé dou na vida? Deixo-me levar por aquilo que a sociedade me propõe ou luto pelos princípios e valores à luz do Evangelho?”, questionou.

Augusto César referiu, no entanto, que na igreja de Deus a caridade só se manifesta com a misericórdia.

“Temos que sair ao encontro do outro, como nos diz o papa Francisco. O amor é a pessoa que se dá e a única exigência é a gratuitidade. Precisa-se de amar mais ao jeito de Jesus, amar com valores concretos. Ser igreja e amar a igreja é torna-la atraente e de dar a vida por ela. Quanto mais nos concentramos em nós mesmos mais nos afastamos de Jesus. Nós somos membros desta Igreja em que Cristo é a cabeça e nós somos os membros, como diz São Paulo: “Ai de mim se não evangelizar”, afirmou.

O encontro terminou com o almoço oferecido pela Santa Casa da Misericórdia do Gavião.