euroace
Linhas de Elvas
Alimentos de Extremadura
Nutriprado
Elióptica Novembro
Bricoelvas
Liberdade Branco
Assine Já
Bricoelvas
Liberdade Branco
Sanielvas 358x90 - Nov17

GNR assinala aniversário em Elvas (c/fotos)

Forças militares desfilaram pelo centro histórico

Alexandre Levezinho

07 Novembro 2018

A GNR desfilou em Elvas esta manhã de quarta-feira, 7 de Novembro. A razão está nas comemorações do aniversário do Comando Territorial de Portalegre.

No discurso o coronel Joaquim António Vivas salientou a responsabilidade que a GNR tem no território tanto em eventos lúdicos, desportivos, culturais ou na segurança da população. “O distrito de Portalegre a nível de dimensão é o quinto maior do país, onde a GNR tem a responsabilidade cerca de 98% do território. A população envelhecida e distribuída em pequenos aglomerados contribui para o isolamento e acrescenta maiores dificuldades. Tendo em consideração esses factores há várias vertentes em que actuamos. Denominamos a ‘Segurança’; ‘Social’ e ‘Suporte’. Ao longo deste ano em Portalegre tivemos vários eventos culturais de nível nacional internacional, desde a Baja de Portalegre, ao Festival do Crato, que exigiram o nosso serviço. No que toca à criminalidade verificamos uma estabilidade com o ano passado. Há no entanto uma subida de crimes contra o património que se encontram identificados. Registamos um decréscimo de crimes contra a vida na sociedade. Nos acidentes de estrada regista-se mais de 100 sinistros em comparação com 2017. Nunca estaremos satisfeitos até conseguirmos zero mortos nas estradas de Portalegre”, afirmou.

A cerimónia contou com a presença do secretário de Estado das Autarquias Locais, Carlos Miguel, em substituição da secretária de Estado Adjunta e da Administração Interna, Isabel Oneto. O governante deixou uma mensagem de reconhecimento à GNR e divulgou investimentos nas forças de segurança para os próximos anos.

“Portugal é hoje reconhecido externamente como um dos países mais seguros o mundo. Isso contribuiu em muito o trabalho das forças de segurança e em especial da competência da GNR. A GNR tem sido o espelho que é o serviço de proximidade à população, nomeadamente à população mais vulnerável. Programas como a Escola Segura, Comércio Seguro ou Campo Seguro são exemplos do serviço prestado pela GNR. Os 584 elementos que formam hoje o Comando Territorial de Portalegre têm sido a garantia do decréscimo da criminalidade, seja ela da mais pequena à mais violenta. Isto é conseguido é pela força e competência da GNR, mas também pelas condições que têm para realizar o trabalho”, indicou.

“Para o quadriénio de de 2017 a 2021 está programado o investimento de 450 milhões de euros. Este valor vai assegurar a requalificação e criação de novas instalações, novas viaturas, e equipamentos de protecção e armamento. Esta é uma realidade do presente e do futuro a nível nacional e que pode ser testemunhada em Portalegre. O posto territorial de Avis, Sousel, e o Centro de Formação de Portalegre, representam um investimento no futuro próximo de cerca de 11 milhões de euros. O governo não vê como uma despesa mas sim como um investimento na segurança e na qualidade de vida da população”, apontou.

A cerimónia contou também com a distinção de certos militares com medalhas de honra e reconhecimento.

Às 21 horas o Auditório do São Mateus vai ser palco da actuação do Quarteto de Cordas da Banda de Música da Unidade de Segurança e Honras de Estado.