euroace
Linhas de Elvas
Nutriprado
Elióptica Novembro
Alimentos de Extremadura
Liberdade Branco
Bricoelvas
Liberdade Branco
Bricoelvas
Sanielvas 358x90 - Nov17
Assine Já

Defesa do interior foi tónica no aniversário da Juventude Popular

As celebrações dos 44 anos da Juventude Popular (JP), sob o lema “Renovar para Vencer”, tiveram lugar nos dias 3 e 4 de Novembro.

04 Novembro 2018

O secretário-geral do CDS-PP, Pedro Morais Soares, afirmou sábado, dia 3, que “muitos falam do interior do País, mas quando se trata de acções concretas poucos as fazem”.
Em declarações à Rádio Portalegre, em Alpalhão, à margem do jantar comemorativo dos 44 anos da Juventude Popular (JP), Morais Soares referiu que “o CDS tem vindo a apostar no interior, não só no conjunto de medidas e políticas para a sua defesa, mas também tem descentralizado muito da sua acção política para o interior”.
O dirigente do CDS-PP sublinhou ainda a importância de ter pela primeira vez uma JP eleita no distrito de Portalegre, “mostrando que o partido está a crescer no Alto Alentejo”.
O presidente da JP, Francisco Rodrigues dos Santos, também colocou a tónica na defesa do interior do País, afirmando que “a coesão territorial não pode ser uma opção, é uma obrigação, sobretudo nos territórios de baixa densidade populacional, onde se assiste ao isolamento e ao envelhecimento”.
O líder da JP vincou ainda que o Alto Alentejo “é um território árido e difícil para todos aqueles que defendem os valores da direita democrática, social, popular e patriótica”.
As celebrações dos 44 anos da JP, sob o lema “Renovar para Vencer”, arrancaram na manhã de sábado, dia 3, com o início dos trabalhos do Congresso Nacional da organização política juvenil do CDS-PP, no auditório da Escola Superior de Educação e Ciências Sociais de Portalegre.
No domingo, 4 de Novembro, durante a manhã, teve lugar uma sessão de formação política, que culminou no encerramento dos trabalhos do órgão máximo da JP entre congressos.