Linhas de Elvas
Nutriprado
Elióptica Regresso às Aulas
Linhas Rádio
Bricoelvas
Sanielvas 358x90 - Nov17
Américo Nunes
Bricoelvas
Assine Já
Sanielvas 358x90 - Nov17
Linhas Rádio

Reguengos de Monsaraz adere à Rede Europeia Sabor Sur

Projecto pretende apoiar poder local no desenvolvimento da gastronomia

05 Setembro 2018

O Município de Reguengos de Monsaraz aderiu à 'Rede de Cidades Europeias Sabor Sur', uma rede que tem como objectivo apoiar governos locais no desenvolvimento do sector da gastronomia, pela formação de profissionais da hotelaria, restauração e comércio tradicional, na promoção do turismo gastronómico e na venda de produtos regionais através da internet.

Juntamente com Reguengos de Monsaraz também Redondo e Loures aderiram a este projecto que é liderado pela autarquia espanhola La Palma del Condado.

A apresentação decorreu na segunda-feira, 3 de Setembro, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Reguengos de Monsaraz, onde também estiveram presentes municípios de Almeirim, Viana do Alentejo, Moura, Borba, Portel, Torres Vedras, Coruche, Monção, Rio Maior, Mourão, Alandroal, Estremoz e Arruda dos Vinhos.

A Rede de Cidades Europeias Sabor Sur tem como parceiros as universidades de Évora, do Algarve e de Trás-os-Montes, o Centro Tecnológico da Agroindústria ADESVA em Huelva, a Tertúlia Algarvia – Centro de Conhecimento em Cultura e Alimentação Tradicional do Algarve, a Associação Empresarial da Região do Algarve e o Consórcio para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação e do Conhecimento da Andaluzia. Este projeto pretende constituir uma rede com mais de 50 cidades de Portugal, Espanha, Marrocos, França, Itália e Grécia.

 É apoiada pela União Europeia e cofinanciada pelo FEDER no âmbito do Programa Operativo de Cooperação Transfronteiriça Espanha-Portugal 2014-2020, pelo que os municípios que aderirem podem apresentar projectos de interesse comum para candidatar aos fundos comunitários nas áreas da inovação em produção de alimentos, turismo gastronómico, enoturismo, formação de jovens empreendedores, entre outros.

 Através deste projecto, as autarquias beneficiam de acesso gratuito para o tecido empresarial local a uma plataforma de formação online com 30 cursos nas áreas da criação e inovação em gastronomia. 

A rede vai ainda efectuar a venda de produtos e serviços locais em sistema de comércio electrónico em vários idiomas.