Linhas de Elvas
Nutriprado
Elióptica Regresso às Aulas
Linhas Rádio
Sanielvas 358x90 - Nov17
Bricoelvas
Assine Já
Linhas Rádio
Américo Nunes
Bricoelvas
Sanielvas 358x90 - Nov17

Ânimos exaltados entre vereadora e presidente da Câmara Municipal de Nisa

A vereadora da oposição CDU na Câmara Municipal de Nisa, Maria de Fátima Dias, queixou-se esta terça-feira de ter sido agredida pela presidente do município, a socialista Idalina Trindade, que refuta a acusação.

21 Agosto 2018 | Fonte: Lusa

A vereadora da oposição CDU na Câmara Municipal de Nisa, Maria de Fátima Dias, queixou-se esta terça-feira de ter sido agredida pela presidente do município, a socialista Idalina Trindade, que refuta a acusação.

Em declarações à agência Lusa, a vereadora da CDU disse que "a agressão ocorreu hoje, no final de uma reunião de câmara”, realizada no auditório da Biblioteca Municipal de Nisa, tendo apresentado queixa na GNR.

O oficial de relações públicas do Comando Territorial de Portalegre da GNR, major David Pires, confirmou ter sido apresentada no posto de Nisa, pela vereadora da CDU, uma queixa contra a presidente da câmara municipal.

Confrontada pela Lusa com a queixa, Idalina Trindade, que lidera com maioria o executivo municipal, manifestou-se “triste” com o episódio, acrescentando ter apresentado uma queixa-crime no Ministério Público (MP) contra a vereadora da CDU.

“Sim, houve um incidente inusitado. Houve uma 'inventona' fabricada por esta senhora e só pode ter um objectivo: como não conseguem atacar a obra, como não conseguem atacar o trabalho, não conseguem atacar o apoio social, não conseguem atacar os bons resultados nas contas, partiram agora para ataques de carácter à presidente da câmara”, afirmou Idalina Trindade.

A autarca socialista acusou ainda a vereadora da CDU de ter “criado um incidente falso, totalmente fabricado por si e completamente despropositado” com o objectivo de “ascender” à presidência do município.