alimentos extremadura
Linhas de Elvas
Talho Escarduça
Elióptica Fevereiro 2019
Liberdade Branco
Linhas Rádio 2019
Sanielvas 358x90 - Nov17
Liberdade Branco
Assine Já
Linhas Rádio 2019

Comissão Nacional de Eleições restringe publicidade e deixa apreensivos jornais e autarquias

Também em Elvas, desde sexta-feira, que os autarcas do Município não têm marcado presença em alguns actos públicos, como inaugurações de exposições ou provas desportivas.

12 Março 2019 | Fonte: Público

A Comissão Nacional de Eleições (CNE) publicou, no final da semana passada, uma nota informativa que restringe – e muito – a publicidade institucional de todos os órgãos do Estado durante o período pré-eleitoral.

Segundo avança a edição online do Público, várias câmaras municipais e jornais estão apreensivos, sobretudo porque em 2019 há três eleições (duas nacionais e uma regional), o que pode significar quase oito meses com informação autárquica reduzida ao mínimo e um decréscimo acentuado nas receitas de publicidade para muita imprensa.

O adiamento da inauguração de uma avenida, em Vila Verde, foi a primeira consequência visível da nota informativa da CNE, que vem lembrar que “é proibida a publicidade institucional por parte dos órgãos do Estado e da Administração Pública de actos, programas, obras ou serviços, salvo em caso de grave e urgente necessidade pública”.

Também em Elvas, desde sexta-feira, que os autarcas do Município não têm marcado presença em alguns actos públicos, como inaugurações de exposições ou provas desportivas.