Linhas de Elvas
Talho Escarduça
Neurofit
Nutriprado
Elióptica Abril 2019
Liberdade Branco
Linhas Rádio 2019
Liberdade Branco
Assine Já

DECO recebe mais de 29 mil pedidos de ajuda em 2018

Famílias apresentam novas dificuldades de endividamento

20 Fevereiro 2019 | Fonte: Rádio Renascença

O Gabinete de Proteção Financeira (GPF) da Associação de Defesa do Consumidor (DECO) recebeu eu ano passado 29,350 pedidos de ajuda de famílias e registou um aumento da taxa de esforço mensal.

Em declarações à Rádio Renascença, Natália Nunes, coordenadora do GPF salienta que as famílias portuguesas estão a enfrentar novas dificuldades e novas causas de endividamento.
"Uma taxa de esforço de 80% é muito preocupante, porque a recomendável é de 35%. Isto significa que 80% do rendimento da família está logo absorvido por cinco prestações de crédito: crédito à habitação, duas de crédito pessoal e dois cartões de crédito. E foram precisamente os cartões de crédito e o crédito pessoal os grandes responsáveis pelo aumento da taxa de esforço", referiu à RR.

Natália Nunes diz à Renascença que mais de metade dos pedidos de ajuda foram feitos por parte de pessoas casadas ou em união de facto, mas os dados mostram que estão a aumentar os casos de viúvos, divorciados e solteiros que vêem a situação financeira entrar em ruptura.

Entre as novas dificuldades inclui-se o apoio dos pais e avós, a descida de rendimento nas reformas antecipadas e o aumento de despesas com a Saúde.