Linhas de Elvas
Nutriprado
CCDRA
Elióptica Abril 2019
Linhas Rádio 2019
Sanielvas 358x90 - Nov17
Assine Já

País verifica mais bebés mas ainda não é suficiente

Portalegre é dos distritos com menos nascimentos, 642 nados-vivos até Novembro

29 Dezembro 2018 | Fonte: DN

Em Portugal registou-se um aumento de 100 crianças por mês relativamente ao ano de 2017. Até ao final de Novembro registaram-se 80484 nascimentos, uma média de 7300 crianças por mês.

De acordo com o Programa Nacional de Diagnóstico Precoce (PNDP), no distrito de Lisboa verifica-se quase um quarto dos nados-vivos, 23803 crianças. O Porto surge em segundo lugar com quase metade, 14491 crianças. Braga (6172) e Setúbal (6027) aparecem logo abaixo.

No interior do país o envelhecimento continua a marcar as regiões, com o registo de taxas mais baixas de natalidade. Bragança registou 550, já Portalegre assinalou 642 recém-nascidos. Estes dois distritos são aqueles onde menos bebés nascem.

Estes registos mostram que a natalidade no país voltou a aumentar, após ter de descido 87126 (2016) para 86154 (2017).

No entanto é apenas uma variação positiva, no sentido em que desde 2011 (96856) nunca mais se registou mais de 100 mil nascimentos ao ano.