Linhas de Elvas
Alentejo 2020 - Projectos aprovados
Nutriprado
Sanielvas 358x90
Sanielvas 358x90

Ex.mos Senhores - e Senhora - Candidatos à Presidência da CM Elvas

Daqui por menos de dois meses um (ou uma) de vós será chamado(a) a gerir os destinos do nosso concelho no quadriénio 2018-2021. Se todos os ciclos autárquicos são importantes, estou convicto que este próximo mandato será decisivo a vários níveis. Por isso, acredito piamente que quem for chamado a sentar-se na cadeira da Rua Isabel Maria Picão saberá estar à altura das circunstâncias.

24 Agosto 2017

Daqui por menos de dois meses um (ou uma) de vós será chamado(a) a gerir os destinos do nosso concelho no quadriénio 2018-2021. Se todos os ciclos autárquicos são importantes, estou convicto que este próximo mandato será decisivo a vários níveis. Por isso, acredito piamente que quem for chamado a sentar-se na cadeira da Rua Isabel Maria Picão saberá estar à altura das circunstâncias.
Estamos em Agosto, o tradicional mês de férias e da chamada "silly season", já que o ambiente de descontração parece potenciar a ocorrência das coisas mais disparatadas. E é precisamente aqui que queria chegar.
Infelizmente temos vindo a assistir nas últimas semanas a um crescendo de troca de palavras mais acesas nas redes sociais por parte de integrantes e apoiantes de algumas candidaturas. Sabendo que a liberdade de expressão é uma das grandes conquistas da democracia, não podemos ainda assim pactuar com comentários de baixo nível e que em nada contribuem para a construção de um futuro positivo para todos nós, elvenses de alma e coração.
Apelo pois a vós, candidatos, que não sigam o exemplo desses vossos apaniguados e caiam na tentação de baixar o nível das vossas intervenções até ao campo da ofensa pessoal e do lamentável "diz-que-disse". Cabe-vos ainda, enquanto líderes, transmitir às vossas equipas a necessidade de um discurso pela positiva, centrado em projectos de futuro e nunca em ajustes de contas com o passado.

É natural que quem detém o poder destaque a obra feita e que, ao invés, quem lá quer chegar opte por um discurso de crítica ao labor desenvolvido. Por isso, como se costuma dizer amiúde, terá à priori tarefa mais facilitada o poder vigente do que a oposição. Ainda que, como bem sabemos, nem sempre assim seja.

O que vos peço e espero de vós, enquanto cidadão que ama Elvas, é que abordem questões de fundo e não se fiquem pela rama. Que falem das matérias fundamentais - como o turismo, o emprego e a saúde, entre outras - sempre numa perspectiva macro e não de "quintal do vizinho". Que, acima de tudo, falem para o colectivo e não apenas a pensar em determinado grupo de cidadãos eleitores.

Sinto-me profundamente magoado quando, ao navegar na Internet, vejo publicações que, tendo o intuito de atingir uma candidatura adversária, acabam, isso sim, por promover uma imagem negativa da nossa cidade, concelho e suas gentes. Por isso, exorto-vos também a pedir aos vossos seguidores (no Facebook e em sentido mais lato) que ponderem bem os meios para atingir determinado fim.

Por fim, desejo a cada um de vós o maior sucesso, sabendo à partida que haverão vencedores e vencidos. E penso também no momento pós-eleitoral, pois é fundamental não acontecerem clivagens que inviabilizem eventuais entendimentos futuros aos mais diversos níveis.

Elvas espera de vós dignidade e elevação. E não tenham dúvidas que, sendo o povo sereno mas não parvo, saberá valorizar ou penalizar uma candidatura em função do seu comportamento neste curtíssimo tempo que nos separa do dia 1 de Outubro.

Termino fazendo votos - neste caso em sentido figurado - para que a vossa paixão por Elvas esteja acima de todas e quaisquer questiúnculas de natureza pessoal. Os elvenses agradecem!