Linhas de Elvas
Elióptica Julho 2019
Nutriprado
Legislativas Especial Semana à Sexta
Sanielvas 358x90 - Nov17
Assine Já

Emanuel Duarte triunfou na Volta a Portugal do Futuro

De Camisola Amarela desde a primeira etapa, o jovem de 22 anos, natural de Portimão, confirmou este domingo, em Portalegre, a vitória na 27ª Volta a Portugal do Futuro.

08 Setembro 2019

De Camisola Amarela desde a primeira etapa, o jovem de 22 anos, natural de Portimão, confirmou este domingo, em Portalegre, a vitória na 27ª Volta a Portugal do Futuro.
Com a vantagem alcançada na quinta-feira (44 segundos), dilatada após o contrarrelógio do penúltimo dia, o corredor e respectiva equipa, a LA Alumínios, só teve de controlar os últimos quilómetros para garantir o triunfo.
Ainda assim, numa etapa particularmente dura, com passagens na Serra de São Mamede e Cabeço do Mouro, contagens de montanha de segunda categoria, Emanuel Duarte conseguiu ser terceiro classificado após os 122,8 quilómetros que tiveram partida e chegada ao centro de Portalegre.
“É uma alegria imensa. A equipa veio para cá a pensar na vitória. Felizmente conseguimos duas camisolas, a Amarela e a Branca, o que, para nós, tem uma importância imensa”, expressou feliz o pupilo do também jovem director desportivo, Hernâni Brôco, que na próxima semana vai para o estágio da selecção nacional a pensar na convocatória para o Campeonato do Mundo daqui a duas semanas, no Reino Unido.

Último dia sorriu a Carlos Salgueiro

A derradeira etapa foi ganha por Carlos Salgueiro (Sicasal-Constantinos), que no grupo em fuga decidiu partir em solitário à procura do sucesso a faltarem menos de 30 quilómetros para a chegada, ainda antes das duas montanhas que venceu, trepando automaticamente para a Camisola Castanha Delta Cafés.
O líder reagiu na última subida e chegou a Portalegre acompanhado de Gonçalo Leaça, companheiro de equipa e segundo classificado a 43 segundos de Salgueiro.Vencedores da Volta a Portugal do Futuro
Em termos gerais, o algarvio, que veio da Volta a Portugal dos profissionais com o Prémio da Juventude, ganhou esta competição, destinada a corredores sub-23, com 1m11s de vantagem sobre Pedro Lopes (Oliveirense-InOutbuild), vencedor do Prémio da Juventude, Camisola Laranja KTM, e 2m00s sobre Tiago Leal (Miranda-Mortágua).
A Camisola Branca dos Pontos Kia, Prémio da Regularidade, ficou, após quatro dias de prova, para Gonçalo Leal (LA Alumínios-LA Sport). Colectivamente, a melhor equipa foi a Oliveirense-InOutbuid.