Coronavírus Covid-19
Linhas de Elvas
Elióptica 2020 - 5
CCDRA 4º Trimestre 2019
El Faro - Abril 2020
Linhas em sua casa
Linhas de Elvas
Jocriauto 012020
Nabeiroauto - Abril 2020
Linhas de Elvas
Assine Já
Sanielvas 358x90 - Nov17
Nabeiroauto - Abril 2020
Jocriauto 012020

Covid-19: Agricultores prontos para disponibilizar equipamentos de desinfeção

O presidente da CAP, Eduardo Oliveira e Sousa, disse ontem à Lusa que os agricultores estão prontos a disponibilizar os seus equipamentos de pulverização, de modo a ajudarem as autoridades a desinfetar espaços exteriores, combatendo a propagação do Covid-19.

19 Março 2020

O presidente da CAP, Eduardo Oliveira e Sousa, disse ontem à Lusa que os agricultores estão prontos a disponibilizar os seus equipamentos de pulverização, de modo a ajudarem as autoridades a desinfetar espaços exteriores, combatendo a propagação do Covid-19.
“Lembrar que Ovar, [distrito de Aveiro], Beja e outras regiões estão a disponibilizar equipamentos de pulverização para ajudar as autoridades a fazer algumas desinfeções de áreas exteriores, ruas, jardins e edifícios”, afirmou o presidente da Confederação dos Agricultores de Portugal (CAP), em declarações à Lusa.
Porém, o responsável desta confederação agrícola ressalvou que o produto sanitário de desinfeção deverá ser distribuído aos agricultores pelas autoridades competentes, uma vez que estes não dispõem dos mesmos.
“As autoridades sanitárias têm que dizer qual o produto adequado e a dose que deve ser aplicada”, acrescentou.
Eduardo Oliveira e Sousa sublinhou ainda que a confederação já fez chegar esta proposta à ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque, que a "acolheu favoravelmente”.
O novo coronavírus, responsável pela pandemia da Covid-19, infetou mais de 200 mil pessoas em todo o mundo, das quais mais de 8.200 morreram.
Das pessoas infetadas, mais de 82.500 recuperaram da doença.
Em Portugal, a Direção-Geral da Saúde (DGS) elevou quarta-feira o número de casos confirmados de infeção para 642, mais 194 do que na terça-feira. O número de mortos no país subiu para dois.
Dos casos confirmados, 553 estão a recuperar em casa e 89 estão internados, 20 dos quais em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI).
O boletim divulgado pela DGS assinala 5.067 casos suspeitos até quarta-feira, dos quais 351 aguardavam resultado laboratorial.
Das pessoas infetadas em Portugal, três recuperaram.