Linhas de Elvas
Elióptica - Cuidamos da sua visão
Nutriprado
Linhas Rádio
Linhas PDF

Fundo Jessica já apoiou 190 projectos de investimento em reabilitação urbana

No passado dia 23 de Outubro, decorreu em Évora, no Auditório da Fundação Eugénio de Almeida, o Evento Anual 2017 do Fundo JESSICA Portugal.

30 Outubro 2017

No passado dia 23 de Outubro, decorreu em Évora, no Auditório da Fundação Eugénio de Almeida, o Evento Anual 2017 do Fundo JESSICA Portugal.

Nesta sessão, o Presidente do Comité de Investimento do Fundo JESSICA e Presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo, Roberto Pereira Grilo, e o Secretário-Geral do Fundo JESSICA, Nuno Vitorino, fizeram o balanço da aplicação integral da primeira fase dos recursos e projectados os objectivos até 2021.

A Secretária de Estado da Habitação, Ana Pinho, anunciou as oportunidades e instrumentos de financiamento disponíveis para apoiar os promotores e as cidades nos próximos anos, no âmbito da regeneração e revitalização urbana.

Seis promotores de projetos apoiados pelo Fundo JESSICA apresentaram os seus projectos e os resultados e transmitiram os seus testemunhos; foi ainda apresentado o Livro sobre os projetos financiados entre 2012 e 2016.

A Iniciativa JESSICA, desenvolvida pela Comissão Europeia em conjunto com o Banco Europeu de Investimento (BEI), tem comprovado a aceitação pelos investidores de um novo mecanismo de engenharia financeira que desafia entidades financeiras, enquanto gestoras de Fundos de Desenvolvimento Urbano, a agir como veículos de financiamento reembolsável de investimentos em reabilitação urbana.

O Fundo JESSICA gere 132,5 Milhões de euros de recursos Comunitários e Nacionais, alavancados pelos Fundos de Desenvolvimento Urbano para um montante total de financiamento disponível de mais de 300 milhões de euros.

Sob o lema de “O crescimento começa nas Cidades”, o Fundo JESSICA já financiou cerca de 300 milhões de euros, em mais de 70 cidades Portuguesas, num total de mais de 190 projectos, alavancando um total de cerca de 690 milhões de euros em investimentos em desenvolvimento urbano, desde equipamentos sociais e de educação de grande dimensão até pequenos hostels de jovens empreendedores. Trata-se de projectos económica e financeiramente sustentáveis, enquadrados nas estratégias de desenvolvimento localmente desenhadas, em que são criados empregos de base local. O número estimado de empregos permanentes a criar com os projectos financiados ultrapassa já os 3.000.

As disponibilidades financeiras actuais ascendem a 20 milhões de euros para apoio a novos projetos.

O ano de 2017 marca o período onde a fase de reaplicação de fundos é consolidada, em que novos investimentos são financiados com as verbas reembolsadas pelos projectos inicialmente apoiados. Com a progressiva aceleração dos reembolsos existirão recursos adicionais para financiamento de projectos de reabilitação urbana.