Linhas de Elvas
Nutriprado
Elióptica - Cuidamos da sua visão
Sanielvas 358x90 - Nov17
Linhas Rádio
Linhas PDF
Sanielvas 358x90 - Nov17
Linhas Rádio

Adega Mayor Seleção entre os melhores do mundo e eleito o melhor branco do Alentejo

Os vinhos da Adega Mayor voltam, uma vez mais, a brilhar em provas internacionais ao serem premiados, pela quarta vez consecutiva, no concurso alemão Mundus Vini e serem reconhecidos, pela segunda vez consecutiva, por Robert Parker, crítico de vinhos de renome internacional.

03 Outubro 2017

Os vinhos da Adega Mayor voltam, uma vez mais, a brilhar em provas internacionais ao serem premiados, pela quarta vez consecutiva, no concurso alemão Mundus Vini e serem reconhecidos, pela segunda vez consecutiva, por Robert Parker, crítico de vinhos de renome internacional.

O Adega Mayor Seleção Branco 2016 foi premiado com Medalha de Ouro e distinguido como Best of Show Alentejano Whiteno Mundus Vini 2017. Um vinho que abre os sentidos aos instantes foi seleccionado não só como um dos melhores do mundo, mas também eleito como o melhor vinho branco da região do Alentejo. Vinho elegante e alegre, rico em aromas a frutos tropicais maduros e algumas notas de casca de citrinos. De cor cristalina, revela na boca um exotismo, uma estrutura e persistência surpreendentes. Para a mesa ou para a esplanada, uma companhia bastante versátil.

A qualidade da Adega Mayor volta assim a destacar-se numa das competições mais importantes de vinho, que avalia cerca de 10.000 vinhos, e junto do critico de vinhos mais influente do mundo.

Outro dos vinhos Mayores premiado com a Medalha de Ouro foi o Adega Mayor Viognier 2016 e com Medalha de Prata o Adega Mayor Verdelho 2016, dois monocastas que abrem os sentidos à melodia. Há castas com doze cordas e mil acordes. Cada pedaço de terra tem a sua afinação, cada uva entoa um vento diferente. Os tons da casta enchem a garrafa, numa harmonia dada pelo arranjo das notas que a natureza nos dá. 

O Pai Chão 2013 e o Reserva do Comendador 2013 acabam de ser classificados com 91 e 90 pontos pela prestigiada prova de vinhos do Wine Advocate do Robert Parker, cuja prova foi feita pelo crítico americano Mark Squires.